Eliseu Muller faz balanço das atuações do FUNRESPOL em 2017

A Polícia Civil do Estado de Rondônia avançou significativamente nos últimos anos, em todos os segmentos e isso se deve a proposta de integração promovida ao longo desta gestão. A unidade dos servidores, a iniciativa de alguns destes, o empenho e a dedicação é o que tem garantido o pleno desenvolvimento Institucional. Ainda há muito a ser feito, mas já iniciamos esse novo ciclo que a Polícia Civil tem transitado. Foram implementados projetos, resoluções e decretos, houve reformas, mudança de prédio, distribuição de novos materiais, entre outros. O exemplo de um grande passo dado por esta gestão foi a elaboração de um decreto descentralizando o cargo de Diretor de Polícia do Interior (DPI) da Capital para o interior do Estado, com objetivo de aproximar ainda mais o chefe deste departamento das unidades da Polícia Civil no interior. O avanço é notório e os resultados desta iniciativa são facilmente perceptível a Instituição e à sociedade.

Revitalizamos e reaparelhamos o Fundo Especial de Reequipamento Policial – FUNRESPOL, constituímos veículo para atender ao Fundo, realizamos parcerias com algumas prefeituras e até propomos leis em alguns casos, assim como, readaptamos servidores para este departamento que já garantiu investimentos de quase cinco milhões em equipamentos, mobiliário, veículos, infraestrutura, entre outros. Com ele vamos adquirir ainda uniforme padronizado para cada policial. Já que estamos falando de padronização, em breve deve ser publicado o decreto de padronização da marca Polícia Civil. Essa padronização segue uma proposta nacional de unidade das Polícias Civis em todo país com objetivo de fortalecermos nossa categoria. A padronização ira acontecer de forma gradativa, mas já iniciamos as primeiras mudanças por aqui. O símbolo da Polícia Civil será mantido, mas trabalharemos somente com as cores pré-definidas neste projeto de padronização nacional.

Ao longo deste ano já realizamos campanhas educativas com a entrega de 30 mil panfletos em todo o Estado, exposição do trabalho da Polícia Civil no shopping de Porto Velho e no espaço Alternativo, também estávamos presente na feira de empreendimento em Ji-Paraná. Estamos projetando um novo (Leiaute) layout para o nosso site oficial, mais interativo, dinâmico e com disposição para nossos serviços, assim como, em breve vamos colocar no ar uma página do FUNRESPOL para facilitar a emissão do nosso alvará. O nosso trabalho já esta sendo visto pela sociedade e isso se comprova quando aumentamos de 5 mil visualizações para 30 mil visualizações em apenas uma matéria publicada na página oficial da Polícia Civil. O reflexo disso é o reconhecimento do trabalho desenvolvido pela nossa Instituição. Outros projetos ainda estão por vir, mas a ideia é manter a unidade e a garantia de uma Polícia Civil pró-ativa, apresentando resultados positivos, pois só assim, esta categoria irá conseguir galgar novos horizontes, seja dentro de um governo ou dentro da concepção da sociedade.

Fonte: ASCOM/PCRO